quinta-feira, agosto 25, 2005

Pensamentos


Ela disse, brincalhonamente manhosa:

- Faz tempo que não te dou prejuízo nem dor de cabeça, né, amor?

Ele respondeu carinhosamente:

- É, querida. Faz tempo que você não me dá prejuízo ou dor de cabeça.

E pensou, triste e ressentido:

- Na verdade, faz tempo que você não me dá nada...

Nenhum comentário: